Roberto Carlos rebate polêmica sobre comercial de carnes

Durante o lançamento do livro fotográfico sobre a trajetória de sua carreira, o cantor Roberto Carlos falou sobre sua participação na campanha da marca Friboi, pela qual foi criticado por supostamente ter sucumbido à tentação, e de faturar se associando a um produto do qual não seria consumidor.

Em sua defesa, Roberto Carlos afirmou “nunca ter sido vegetariano”, pois nunca deixou de consumir frango e peixe, disse também que voltou a comer carne vermelha “há algum tempo”, ao ser aconselhado por seu médico. Por fim, o cantor garantiu que jamais faria propaganda “de algo que não concordasse”.

Em seguida, aceitou um petisco de carne vermelha que lhe foi oferecido, mas não sem antes perguntar à garçonete “É Friboi?”, de acordo com reportagens dos veículos de mídia presentes.

Fonte: Meio e Mensagem 

Anúncios

Após polêmica, campanha da Friboi com Roberto Carlos sai do ar

A campanha polêmica da marca Friboi, com a participação do cantor Roberto Carlos já foi substituída. A propaganda que ficou menos de dois meses no ar, mostrava o cantor Roberto Carlos, como consumidor de carne, mesmo ter declarado ser vegetariano durante 30 anos.
Segundo a Folha de S.Paulo, o anúncio foi substituído por três novas peças, protagonizadas pelo ator Tony Ramos, na qual permanecem apenas músicas de Roberto Carlos com o som de fundo.
A assessoria de imprensa da Friboi informou que o comercial saiu do ar no tempo previsto e que é normal que a campanha tenha sido atualizada. Estima-se que o cantor, que não chegou a tocar na carne, tenha recebido R$ 25 milhões para promover a marca.
Fonte: Portal Imprensa