Entidade defende restrições à publicidade voltada a crianças

O Instituto Alana lançou o “Caderno Legislativo – Publicidade Infantil”, documento que detalha as propostas em tramitação na Câmara dos Deputados e no Senado sobre a regulação da publicidade dirigida às crianças.

Imagem: Divulgação

O caderno recebeu apoio da Frente Parlamentar pela Liberdade de Expressão e o Direito à Comunicação com Participação Popular; e da Frente Parlamentar Mista de Promoção e Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Renato Godoy, pesquisador do Instituto Alana, afirmou que é preciso alertar a população sobre os males causados pelo excesso de exposição à publicidade infantil, uma vez que já existem estudos que comprovam que as crianças submetidas a esses estímulos tendem a se tornar adultos consumistas.

Segundo Godoy, outra consequência dessa propaganda é o aumento no número de crianças obesas e com sobrepeso – índice que chega a 33% no Brasil.

Criado em 2006, o Instituto Alana recebe denúncias de publicidade abusiva dirigida às crianças e atua por meio de ações jurídicas, pesquisas e iniciativas educativas.

Fonte: Portal Comunique-se

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s