Facebook, Microsoft, Google e Twitter se unem para combater discurso de ódio na web

Na última terça-feira, a Comissão Europeia anunciou que plataformas como Facebook, Microsoft, Google e Twitter seguirão um manual de conduta contra o discurso de ódio em suas redes nos 28 países do bloco econômico. A iniciativa da entidade envolve a análise de denúncias em menos de 24 horas e as consecutivas ações para remover ou bloquear o acesso a conteúdos abusivos.

Imagem: Reprodução

A ideia surgiu da tentativa de expandir o controle sob manifestações racistas ou xenófobas para o ambiente digital. Como a maior parte de registros de casos acontece dentro de redes sociais, a união com as empresas se tornou um caminho natural.

A cartilha foi criada para evitar que os serviços possam ser usados por grupos radicais religiosos para disseminar propaganda terrorista, assim como para inibir extremistas europeus de divulgar mensagens de cunho xenófobo. 

Com o acordo, as empresas se comprometeram a incluir regras de comunidade que proíbam de maneira clara a promoção do ódio e a averiguar se publicações denunciadas infringem alguma lei.

Fonte: Portal Comunique-se

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s