Aluno de Jornalismo da Ulbra conquista espaço no rádio através do futebol americano

DSC_0015

Foto: Larissa Ferreira

Renan Jardim, 30 anos, estudante de Jornalismo da Ulbra e hoje repórter da rádio Gaúcha, teve seu primeiro contato com o rádio, sua paixão até hoje, no ano de 1996. Conhecido na época como “ratão de estúdio”, nome dado às pessoas que frequentavam de forma voluntária estúdios de rádio, Renan era o ouvinte número um de muitas rádios da capital e chegava a frequentar os estúdios três vezes na semana, além de participar de alguns programas.

 

 

No ano de 2005, movido pelo amor que sentia pelo meio, Renan iniciou o curso de Tecnólogo em Rádio, na Ulbra Canoas. No ano de 2009, com o curso concluído, ele começou a trabalhar em uma rádio “pirata” na cidade de Esteio. O veículo tocava durante todo o dia músicas de rock alternativo, que agradavam os ouvintes da comunidade, Renan sentia, porém, que havia espaço para outras atrações na programação. Então, por conta própria, resolveu trazer notícias esportivas para o programa. “Passamos a rodar 15 minutos de música e três minutos de notícia, sempre sobre a dupla gre-nal, assunto de interesse de quem é ouvinte da rádio, que certamente seria um torcedor da dupla”, explicou ele.

 
A nova programação da rádio foi bem aceita, o público gostou da ideia de ter notícias em meio às faixas musicais. Mas o programa não durou muito e, por se tratar de uma rádio ilegal, a Anatel fechou o veículo. Deste modo, Renan começou a trabalhar na rádio da Concessionária da rodovia Osório – Porto Alegre (Concepa), onde transmitia boletins sobre o trânsito e notícias da região, retiradas de portais de notícias da web e câmeras de monitoramento.
Renan chegou à rádio Gaúcha em 2011. Após passar por uma série de provas e dinâmicas, ele foi contratado pela rádio para trabalhar, inicialmente, na produção do programa esportivo “Sala de Redação”.

 

 

Após o término do contrato, Renan voltou a trabalhar para a Concepa e chegou a fazer um free-lancer como assessor de imprensa do Grêmio. Algum tempo depois, o seu ex-chefe na RBS, Cleber Grabauska, ligou para Renan convidando-o para uma nova vaga no veículo. Ele, prontamente, aceitou a oportunidade.
De volta à rádio Gaúcha, com contrato para trabalhar no site, Renan sentia que precisava fazer algo novo, trazer algo criativo para o veículo. Quando estava no chuveiro, tomando banho apressado para não perder a final do campeonato de Futebol Americano (NFL), Renan pensou que poderia noticiar, no dia seguinte, informações e curiosidades sobre a partida do futebol americano e acreditou que ali poderia surgir um novo programa no rádio esportivo do Rio Grande do Sul, já que nenhuma outra empresa noticiava o esporte.

 

A oportunidade se concretizou com o apoio do diretor de Jornalismo da empresa, Ciro Silveira Martins, que autorizou a produção de notícias sobre os jogos, no site. Se a ideia funcionasse e houvesse acesso, ele poderia continuar, caso contrário, deveria parar de passar as informações. Na companhia dos jornalistas Igor Carrasco e Henrique Jasper, criaram, então, o programa Touchdown Gaúcha, projeto exclusivamente voltado para as notícias sobre o futebol americano no Estado.

 
No primeiro artigo escrito sobre o futebol americano no Rio Grande do Sul, foram contabilizados mais de dez mil acessos o que, de certa forma, causou surpresa por parte dos próprios produtores, pelo grande interesse do público. Com a abertura desse espaço para divulgação, muitos times começaram a tomar forma, tanto pela vontade das pessoas em praticar o esporte, quanto pelo crescimento na mídia, o que de certa forma favorecia os clubes, que se tornavam visíveis no cenário estadual.

 

 

“Certa vez recebi uma mensagem de uma equipe desconhecida, chamada Porto Alegre Gorilas, que estavam treinando e pediram para divulgar a equipe, que, no momento, era formada por sete amigos. Eu publiquei uma nota sobre eles e, hoje, o clube conta com patrocínio e mais de 70 atletas na equipe e se prepara para disputar o 3º Campeonato Gaúcho de Futebol Americano no ano que vem”.
Para melhor informar os torcedores e simpatizantes do esporte, Renan procura ir a todos os jogos do campeonato gaúcho, sempre acompanhado de sua esposa que o ajuda a fazer um resumo do jogo e também a postar fotos da partida. Hoje, além de correr atrás das informações, Renan conta que recebe muita notícia dos dirigentes e jogadores dos clubes, que o procuram para a divulgação.

 

 

O blog Touchdown Gaúcha já passa dos cem mil acessos e tem como seu foco principal as redes sociais, fórmula que deu certo tanto para o crescimento do esporte no estado, quanto para melhorar as visitas ao blog. “Por mais que tenha sido um tiro no escuro, porque não sabíamos se o projeto ia dar certo, foi gratificante ver o crescimento dos clubes, dos campeonatos, da equipe que me ajudou no projeto e, principalmente, ver que o esporte teve uma grande aceitação do público”, explicou Renan.

Anúncios

Um pensamento sobre “Aluno de Jornalismo da Ulbra conquista espaço no rádio através do futebol americano

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s