Alunos de Comunicação da Ulbra são premiados no Madrugadão Feevale

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

A equipe da Ulbra, formada por alunos dos cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Fotografia participou do Madrugadão Feevale e conquistou dois prêmios. O evento acontece todos os anos, sempre numa madrugada de sexta para sábado. O objetivo do encontro é estimular a criatividade e o exercício profissional de alunos de Comunicação do Rio Grande do Sul. Neste ano, o evento aconteceu nos dias 6 e 7 de novembro e contou com a participação de vinte equipes de diferentes universidades gaúchas.

As equipes participantes foram desafiadas a criar uma campanha para a empresa de calçados Ortopé, que comemora 50 anos em 2016. O grupo “Patrulha da Noite”, da Ulbra,  era composto pelos estudantes: Glauber Ribeiro, Chrystian Ariel, Esteban Duarte, Mariana Gonzalez, Leonardo Guterres, Fernando Toledo, Aline Ritt, Jéssica Soares, Egon Habel e Jaqueline Frohlich. Completou a equipe a monitora da Feevale, Jordana Marian Eles criaram para a campanha o mote “O mistério da botinha”. A equipe criou um jingle baseado na opinião de crianças sobre o que poderia haver “dentro da botinha”.

As premiações foram divididas nas categorias: diretor de Arte, redator, atendimento,  planejamento, equipe pelo voto popular e performance. A Equipe da Ulbra venceu o prêmio de Melhor Performance, realizada pelo aluno Egon Habel, concedido antes do início oficial dos trabalhos do Madrugadão para descontrair o evento. O segundo prêmio conquistado pelo “Patrulha da Noite” foi o de melhor Redatora, com texto criado pela estudante de jornalismo, Jéssica Soares, para o jingle da campanha.

Para o aluno de fotografia, Glauber Ribeiro, é interessante participar de um evento como esse, pois ele oferece a oportunidade de conhecer colegas de outras universidades e do próprio grupo. “Conseguimos comparar a forma de interpretação dos alunos após o briefing, e ver quem está mais preparado para o mercado de trabalho. Fomos surpreendidos pela capacidade de alguns grupos de produzir uma grande quantidade de peças em um período curto de tempo e com qualidade”, analisa Glauber.

Já para a estudante de Publicidade e Propaganda, Aline Figur Ritt, participar de um evento grande como este é muito importante para a formação acadêmica. “Além de abrir portas no mercado de trabalho, nos mostra o quanto somos capazes de vencer alguns desafios e trabalhar em equipe, de maneira mais organizada”.

A “Brain in Storm”, da Universidade de Santa Cruz do Sul, foi a equipe vencedora recebendo o maior número de prêmios.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s