Estudo da Unesco alerta jornalistas sobre ameaças digitais

O estudo analisou as 12 maiores ameaças digitais para o jornalismo contemporâneo. Segundo a ONU, as ameaças de hackers e os ataques que tiram páginas de veículos do ar são os principais riscos.

O relatório “Construindo segurança digital para jornalismo: uma pesquisa de questões selecionadas” usa uma abordagem inclusiva, que procura atentar qualquer pessoa que desenvolva conteúdo jornalístico.

O documento também recomenda que jornalistas deem maior prioridade à segurança quando o trabalho for realizado individualmente. Um capítulo sobre gênero ainda avalia as mulheres jornalistas como os maiores alvos de ameaças digitais.

Fonte: Portal Imprensa

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s